Animais de estimação e isolamento social

O isolamento social causa angústia, estresse e ansiedade. Piorado pra quem está sozinho ou se sente sozinho durante a quarentena. Um animal de estimação se torna terapêutico, beneficia muito crianças que são filhos únicos, pessoas que moram sozinhas (solteiros, idosos) nessa situação específica. 

Animais de estimação podem ser aliados terapêuticos em alguns casos de depressão, fobia social, estresse e ansiedade. Nesse caso, eles são chamados de Animais Terapeutas, no que conhecemos como Terapia Assistida por Animais.

Já indiquei Animais Terapeutas para pacientes meus. E vi uma significativa melhora nesses quadros, uma diminuição nessa sensação de vazio, de falta e um aumento da sensação de ter um propósito, de ser útil, e de preenchimento, o que ajuda a tirar o foco de estar vivendo o problema.

Mas no caso de um animal terapeuta, ele sozinho não tem o efeito total esperado para melhoria desses quadros psicopatológicos. Ele deve ser associado a Terapia com profissional por trabalhar na resolução do problema.

O Animal Terapeuta funciona como “uma medicação”, alivia sintomas, ele não substitui a Terapia, que é quem vai entender a causa e resolver o problema. A associação das duas terapêuticas, nesses casos é o ideal. Importante frisar que a Terapia Assistida por Animais, não é indicada para todos os quadros de angustia, estresse e ansiedade. Tem que ser avaliado a causa desses sintomas primeiro, por um profissional especialista. 

Por exemplo: Se esses sintomas forem causado somente pela sensação de estar sozinho, pelo isolamento social, é sim indicação. Mas, se for associado ao medo de infecção e contágio por COVID, por exemplo, o Animal Terapeuta pode se tornar um agravador do caso. Pela limpeza e higienização que exigiria sempre que precisasse sair para passeios.

O Animal Terapeuta precisa estar bem pra ser terapêutico. Exige muitos cuidados e devem ser mantidos passeios, boa alimentação e toda rotina do animal.

Positivamente,
Milena Mendonça


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Perdão: o que isso tem a ver com sua saúde mental?

Como a Psicanálise e a Psicologia Positiva contribuem para o seu Florescimento

Psicólogos online: a nova tendência da terapia.