Postagens

Mostrando postagens de Janeiro, 2020
Imagem
Abaixo seguem as categorias, chamadas de “domínios de esquemas” e seus respectivos esquemas. 1º Domínio : Desconexão e Rejeição Está relacionado à dificuldade com Vínculos. Ele mostra uma quebra relacionada à confiabilidade e à segurança nas relações interpessoais. São cinco esquemas: Abandono, Desconfiança, Privação Emocional, Defectividade e Isolamento Social. Abandono Pessoas que possuem este esquema têm a percepção de que os outros, particularmente aqueles com os quais se relaciona e de quem espera conexão e suporte, são instáveis ou incapazes de prover suas necessidades e, ainda que possam ser indignos de confiança. Envolve a crenças de que as pessoas importantes não serão capazes de proporcionar proteção, ligação segura, suporte ou apoio emocional porque seriam instáveis e imprevisíveis e poderiam morrer ou abandoná-las a qualquer momento. Essas pessoas não mereciam confiança ou só estariam presentes de forma instável, podendo abandoná-las por outra pessoa melhor.

Como está sua relação com a comida?

Imagem
Primeiro sentimento que me vem à cabeça é o da gratidão por ela. Independente do qual alimento você esteja comendo, acredito que o agradecimento deva estar presente. Agradecer por ter ele todos os dias no prato, agradecer pela sua produção, pela chegada à sua casa, pelo seu preparo e por tudo que ele irá nos nutrir. A nossa relação com o alimento pode ser leve e de forma necessária. Deve ser vista de maneira responsável com muitos questionamentos em que queremos saber o que estamos colocando em nosso corpo primeiramente. A quantidade? Será que estou comendo o suficiente? Como eu me sinto agora depois de comer essa comida? De onde ela veio? Como foi produzida? Respeitar nosso corpo. Ele nos fala com muita doçura e precisamos entender o que ele no quer dizer. Por que tanta culpa ao comer? Por que se culpar tanto se a vida um ciclo de fases. Aceitar e agradecer. Se aceitar e se ver como um ser capaz se acolher e se amar. O alimento é nosso primeiro ato de saúde e autoresponsabilida

Seu filho adolescente escuta alguma coisa do que você diz?

Imagem
A comunicação entre pais e filhos adolescente é, sabidamente, complicada. Hormônios, por um lado, e bagagem geracional, por outro, às vezes criam barreiras à comunicação nessa fase do desenvolvimento dos filhos. Algumas reflexões, entretanto, são muito pertinentes ao processo: Você e seu filho adolescente realmente escutam um ao outro? Será que seu filho falaria mais com você se ele se sentisse escutado, compreendido e levado a sério? Quando os pais de adolescentes leem a palavra “comunicação”, geralmente a primeira coisa em que pensam é em “falar”. Entretanto, “ouvir” é o principal ingrediente da comunicação e, quase sempre, é a habilidade parental menos desenvolvida. Quando os pais perguntam: “Por que meu filho não me escuta”? na verdade deveriam se perguntar: “Eu sirvo de modelo para o meu filho de como escutar”? Em outras palavras: você o escuta primeiro? Para melhorar a comunicação com filhos adolescentes é muito importante identificar as barreiras à escuta. Algumas das mai

Seu filho tem medo de usar o vaso sanitário?

Imagem
Algumas crianças, após os 4 anos, podem apresentar certo grau de dificuldade de usar o vaso sanitário para “fazer cocô”. A depender de sua frequência e grau de intensidade, essa dificuldade pode ser diagnosticada como ENCOPRESE. Também conhecida como incontinência fecal ou escape fecal, encoprese é o vazamento involuntário das fezes na roupa íntima sem que a criança perceba. O diagnostico ocorre após a idade do treino de ida ao banheiro (geralmente com mais de 4 anos) e é de três a seis vezes mais comum em meninos do que em meninas. Apesar de poder surgir por alterações no aparelho digestivo da criança, na maior parte das vezes a encoprese está relacionada com uma prisão de ventre crônica, fazendo com que as fezes duras e secas se acumulem na região final do intestino. É importante ressaltar que encoprese não é uma doença, mas sim um sintoma que pode ter diferentes causas, muitas de cunho psicológico: . Medo ou vergonha de usar o vaso sanitário; . Ansiedade durante o aprend

Melhore seus resultados em 2020.

Imagem
Acabou de nascer um novo ano, com ele também nasce as novas metas e o resgate de sonhos antigos. Muitas pessoas se frustram por trazer para o ano novo novamente os planos que não conseguiram realizar anteriormente. Nesse momento se lamentar pelo que não foi realizado não vai trazer os resultados desejados. É preciso olhar para o que te impediu de alcançar suas metas e traçar novas rotas. Percebo que, muitas vezes, o que falta para concretização de sonhos e metas são habilidades em administrar as próprias emoções e direcioná-las para a busca de melhores resultados e relacionamentos. Alguns pilares da inteligência emocional podem ser trabalhados para que você floresça e alcance seus objetivos: Autorresponsabilidade : Ser responsável por tudo o que acontece na sua vida, antes de culpar algo ou alguém. Essa atitude te empodera, trazendo para si o poder de mudança. Autopercepção e gerenciamento das Emoções : Perceber quais emoções que você sente e o que elas querem te dizer