Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2019

Veganismo e respeito

Imagem
Estamos vivendo uma fase de intolerância. Tudo tem que ser resolvido na hora e de forma violenta. Não temos mais paciência, a vida pede agilidade e resultados pra ontem. Cada um conta sua verdade e não respeita a verdade do outro. Até onde cabe a minha verdade? Cabe até onde eu não interfira e prejudique a vida de alguém e de alguns. Respeito, amor, acolhimento. Olhar o outro como olhamos para nós mesmos. Somos iguais. Porque a gente não pergunta para o outro o que ele quer, o que ele gostaria que fizéssemos, o que ele gostaria de fazer, se ele se sente bem fazendo o que faz, se ele é feliz onde ele mora, quem ele ama, o que ele faz para ser melhor, o que ele faz para ajudar ao outro?! Pedir permissão para fazer algo que interfira na vida do outro é nossa maior conduta de respeito. Ele está aqui na terra assim como nós também estamos. Somo iguais. Vivemos no mesmo mundo e queremos ficar bem e viver. Viver em paz. Viver do jeito que nos deixem bem e que não tire a vida do outro, que n…

A sua busca é positiva?

Imagem
É interessante pensar nas coisas que plantamos sem talvez perceber. Sabe aquele medo que não escolhemos sentir? Aquela raiva que escolhemos esconder? Ou talvez até, sem sentir que temos muita escolha, acabamos por derramá-la no outro com pouca ou nenhuma cerimônia? Em meio aos problemas, muitas vezes ficamos "cegos" de soluções. As situações se tornam difíceis demais, e já nem se consegue pensar positivamente sobre mais nada. E então, no nosso "modo automático", instalamos estratégias pouco saudáveis pra lidar com tudo isso. Sementes de ansiedade, desespero e até agressividade. Algumas vezes, o plantio precisa ser feito na nossa forma de refletir e de enxergar situações. Sementes não só de esperança, mas de novas atitudes, talvez até novos hábitos. Exercitar o que mais queremos para nós. Se queremos compreensão e empatia, procurar doar o que tanto pedimos. Punir quem amamos por acreditar que não estão nos "amando do jeito certo" não nos coloca no papel d…