Como o cérebro e o intestino se conectam.

Por, Maria Irlan, Nutricionista 

O cérebro e o intestino comunicam-se de forma dinâmica e complexa. O intestino é considerado pela comunidade cientifica como nosso segundo cérebro. Os gastroenterologistas calculam que o intestino tem cerca de 500 milhões de neurônios. Sim, neurônios, as mesmas células que constituem o cérebro!



Os neurônios intestinais também estão encarregados pela produção de cerca 90% de serotonina, molécula que nos leva ao estado de bem-estar e felicidade. Além disso o intestino produz cerca de 80% do potencial de imunidade do corpo humano e é produtor de mais 30 mensageiros químicos. Esses mensageiros são encarregados de transmitir recados de um lado para o outro e estabelecer comunicação eficiente entre o intestino e o cérebro.

Não estamos sozinhos, trilhões de bactérias vivem em perfeita harmonia (ou assim deve ser), protegendo nossa mucosa intestinal, produzindo vitaminas e ácidos graxos e auxiliando na conexão cérebro-intestino. Regulando saúde mental e evitando doenças como: obesidade, doença inflamatória intestinal, síndrome do cólon irritável, alergias e entre outras.

A conexão cérebro-intestino vai muito além, estudos mostram que o estado emocional pode influenciar no funcionamento do intestino. Você já teve prisão de ventre ou diarreia quando estava estressado ou nervoso? Isso acontece porque o intestino tem seu próprio sistema nervoso, que está ligado ao cérebro através de ramificações.

Por isso, quando sentimos alguma emoção forte, podemos ter problema associado ao funcionamento intestinal, como diarreia, constipação, gases, síndrome do intestino irritável, dor abdominal ou até mesmo úlcera. O cérebro e o segundo cérebro estão tão interligados que pessoas com doenças cerebrais, também sofrem de alguma doença no intestino.

A conexão cérebro-intestino mostra que uma mente saudável, necessita de um intestino saudável, sendo assim, cuidados com a saúde intestinal interferem no corpo e na mente. Preste atenção nos sintomas intestinais e suas emoções, para existir saúde plena o intestino tem que funcionar bem!

Abraço, Maria Irlan.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Perdão: o que isso tem a ver com sua saúde mental?

Como a Psicanálise e a Psicologia Positiva contribuem para o seu Florescimento

Quando a TCC e a Psicologia Positiva contribuem para o seu Florescimento.